«« Voltar
Educação em saúde e ciência no ensino público: Oficinas para construção de conceitos e desenvolvimento de práticas vinculadas a prevenção de doenças e iniciação científica .
Protocolo do SIGProj:   323650.1810.56340.24022019
De:01/05/2019  à  14/12/2020
 
Coordenador-Extensionista
  Mariana de Oliveira Mauro
Instituição
  UEMS - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  Campo Grande - Unidade Universitária de Campo Grande
Unidade de Origem
  Medicina - Coordenação do Curso de Medicina
Resumo da Ação de Extensão
  O projeto propõe a realização de oficinas práticas de genética e prevenção de doenças infecto-parasitárias a alunos do Ensino Fundamental e Médio da cidade de Campo Grande – MS. Serão submetidos a um questionário para indicar a percepção, os subsunçores e entendimentos dos mesmos a cerca do tema pesquisado. Logo em seguida 50% das salas participarão de uma oficina pedagógica e os demais alunos terão a aula tradicional ministrada pelo professor com a mesma temática. Após as aulas os alunos responderão ao mesmo questionário anteriormente realizado por métodos qualitativos. Por métodos qualitativos e quantitativos (estatísticos) serão avaliados os níveis de aquisição do conhecimento e pretende-se evidenciar se a oficina pedagógica pode auxiliar positivamente neste processo. Após a finalização deste processo os dados serão trabalhados e apresentados à coordenação, professores e alunos da escola estadual onde o projeto será desenvolvimento.
Palavras-chave
   ensino, saúde, ciência, genética, infecto-parasitárias.
Público-Alvo
  Participarão da proposta: 3 Professores concursados da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul; 2 Professores Contratados da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul; 12 alunos do curso de Medicina da UEMS/Campo Grande; Alunos da rede Estadual e Municipal da cidade de Campo Grande MS- MS; Professores da Rede Pública de Ensino e seus alunos (cerca de 30 alunos/professor).
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
   A divulgação será realizada pelo site do curso de Medicina da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, e por meio de cartazes nas escolas participantes.
«« Voltar