«« Voltar
Minerv@sDigitais: Ações de Fomento à Formação e Participação Feminina na Área de Computação
Protocolo do SIGProj:   306390.1680.131252.16052018
De:31/07/2018  à  29/07/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Maria Luiza Machado Campos
Instituição
  UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro
Unidade Geral
  CCMN - Centro de Ciências Matemáticas e da Natureza
Unidade de Origem
  IM - Instituto da Matemática
Resumo da Ação de Extensão
  Este projeto tem seu objetivo alinhado à iniciativa Meninas Digitais da Sociedade Brasileira de Computação (http://meninas.sbc.org.br/), sendo direcionado às alunas do ensino fundamental e ensino médio, visando fomentar o interesse das meninas para que conheçam melhor a área de Computação e das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC), de forma a motivá-las a buscar formação e seguir carreira nessas áreas. Como objetivo complementar, temos a construção da autoconfiança das alunas da UFRJ dos cursos de Bacharelado em Ciência de Computação (BCC) e de Ciências da Matemática e da Natureza, e cursos associados, Engenharia de Computação e informação e Engenharia de Automação, e seu maior envolvimento com todo o escopo de perspectivas de carreira de modo a aumentar sua compreensão e potencial para os diferentes perfis em demanda no mercado e na academia. Espera-se também envolver os alunos desses cursos independente de gênero, pois a discussão do tema e mudanças almejadas também dependem da conscientização da sociedade como um todo, e não apenas do público feminino. Através de seu envolvimento direto na concepção das atividades e diferentes iniciativas do projeto, esperamos dos alunos uma reflexão maior sobre os aspectos culturais e sociais que têm levado ao baixo índice de mulheres nos cursos da área em nível superior. O BCC tem hoje o menor índice de ingressantes do sexo feminino na UFRJ (8%), quando em décadas passadas já chegou a ter mais de 30%.
Palavras-chave
   empoderamento feminino, mulheres na tecnologia, questões de gênero, inclusão digital
Público-Alvo
  Adolescentes e crianças vinculados ao Programa PROFESP do CPOR/RJ na Maré, durante o piloto do primeiro e segundo ano. Mas pode ser que outros grupos sejam contactados, em escolas públicas ou grupos comunitários, de acordo com as oportunidades que consigamos aproveitar.
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar