«« Voltar
Pessoas vivendo com HIV/Aids e Terapia Sutil com Floral e Reiki: Ações para potencializar a qualidade de vida e a adesão ao tratamento
Protocolo do SIGProj:   302356.1680.74258.15052018
De:05/07/2018  à  05/07/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Carla Luzia França Araújo
Instituição
  UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro
Unidade Geral
  CCS - Centro de Ciências da Saúde
Unidade de Origem
  EEAN - Escola de Enfermagem Anna Nery
Resumo da Ação de Extensão
  A proposta existe desde 2011 e trata-se de um grande desafio: possibilitar o acesso das pessoas que vivem com HIV/Aids às Terapias florais e Reiki; contribuindo para a melhoria da qualidade de vida destes clientes. Na ocasião essa tecnologia ainda era questionada e com pouca experiência no Brasil, mas de grande valia para os usuários e para o cuidado, aprimorando a consulta de enfermagem, oferecendo atendimentos gratuitos pelo PIPA/EEAN-UFRJ, com vistas a compreender a eficácia destas terapias na melhoria da qualidade de vida, além de propiciar campo de prática na área de terapias complementares em saúde para estudantes em nível de Graduação e Pós-Graduação. Essas terapias entram como coadjuvantes na melhoria da qualidade de vida do indivíduo e conseqüentemente na potencialização ao processo terapêutico. Principais resultados: Até o momento, temos 42 clientes em atendimento. Para melhor acompanhar estas modificações, estamos utilizando o instrumento WHOQOL-HIV para avaliar a qualidade de vida no inicio da terapia e será reaplicado a cada 02 meses. Pelas anotações das consultas semanais, a mudança no padrão de enfrentamento dos problemas cotidianos foi expressiva. Os clientes referem mais tranquilidade, bem-estar e tolerância. Apresentam-se menos chorosos e buscando construir planos para o futuro. Pelo trabalho até aqui implantado, verificamos os efeitos benéficos das duas terapias na melhora de qualidade de vida das pessoas que vivem com HIV/Aids. O projeto que esse ano completa 7 anos abrangeu as ações para além dos que vivem com HIV/Aids, propiciando novas informações de adesão e recepção do tratamento às terapias complementares.
Palavras-chave
   Terapias complementares, Toque terapêutico, HIV/Aids, Reiki, Terapia Floral
Público-Alvo
  Pessoas que vivem com HIV/Aids e desejem utilizar a terapia floral e/ou Reiki.
Situação
  Atividade COM RELATORIO PARCIAL
Contato
  
«« Voltar