«« Voltar
Quantas Filósofas?
Protocolo do SIGProj:   301902.1680.261012.14052018
De:31/07/2018  à  30/07/2022
 
Coordenador-Extensionista
  Carolina de Melo Bomfim Araújo
Instituição
  UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro
Unidade Geral
  CFCH - Centro de Filosofia e Ciências Humanas
Unidade de Origem
  IFCS - Instituto de Filosofia e Ciências Sociais
Resumo da Ação de Extensão
  Esse projeto de extensão visa monitorar e divulgar, através do sítio web 'Quantas Filósofas?', os números da participação feminina na área de filosofia no Brasil. Ele também pretende resgatar a memória das filósofas ao longo da história através da pesquisa e da divulgação dos principais argumentos elaborados por elas. Para tanto se propõe formar uma equipe multidisciplinar envolvendo alunos extensionistas de diferentes cursos de graduação para a elaboração conjunta de conteúdo para o sítio web. Ao longo da História da Filosofia sempre houve mulheres filósofas. Não obstante, são raríssimas aquelas que tiveram seu trabalho reconhecido por seus pares. A revolução sexual do século XX proporcionou reconhecimento a algumas delas, mas ao redor do mundo as mulheres são uma alarmante minoria. Trabalhos publicados nos Estados Unidos, Reino Unido e Alemanha já fomentaram a implantação de várias iniciativas de promoção da igualdade de gênero na área. Em 2016 a coordenadora da presente proposta publicou pela Associação Nacional de Pós-Graduação em Filosofia o relatório Mulheres na Pós-Graduação em Filosofia no Brasil, que demonstrou, a partir dos dados do INEP e da Plataforma Sucupira, não só a grande desproporção de gênero na área – há 40% de mulheres ingressantes na graduação e 20% de professoras permanentes de pós-graduação – como uma exclusão sistemática das mulheres ao longo da carreira, que resulta em que as mulheres têm aproximadamente 2,5 vezes menos chance do que um homem de chegar ao topo desta carreira profissional.
Palavras-chave
   Filosofia, Gênero, Mulheres, Brasil
Público-Alvo
  Comunidade interna e externa à UFRJ. Trata-se de desenvolvimento e atualização de sítio-web que estará disponível internacionalmente. Pretende-se atender interessados em discriminação contra a mulher e história do pensamento feminino. O perfil do público alvo é de membros de associações de direitos humanos, coletivos feministas, historiadores, e interessados em filosofia de modo geral.
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
   Sítio web
«« Voltar