«« Voltar
Consultórios Odontológicos Itinerantes e Programa Saúde Na Escola: Uma Estratégia de Atenção à Saúde Bucal com Integralidade, Multidisciplinaridade, Ação Social e Cidadania
Protocolo do SIGProj:   301701.1680.243060.14052018
De:30/06/2018  à  05/07/2020
 
Coordenador-Extensionista
  Fernanda Barja Fidalgo Silva de Andrade
Instituição
  UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro
Unidade Geral
  CCS - Centro de Ciências da Saúde
Unidade de Origem
  FO - Faculdade de Odontologia
Resumo da Ação de Extensão
  O esforço para promover adequações na formação de recursos humanos em saúde no Brasil teve um impulso com a publicação das Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN/2002), visando à reorientação para a formação profissional mais próxima dos princípios do Sistema Único de Saúde (SUS) e das necessidades da população. A inserção da educação em saúde bucal juntamente com atenção à saúde geral na rotina escolar tem alcançado bons resultados em relação ao controle das doenças bucais, incluindo a cárie dentária. O Programa Saúde na Escola Carioca (PSE) é uma ação de atenção primária à saúde, voltada ao atendimento da comunidade escolar, através da articulação de representantes das Secretarias Municipais de Saúde (SMS), Educação (SME) e Desenvolvimento Social (SMDS), tendo por objetivo a proteção social, promoção e atenção à saúde integral, bem como à prevenção das doenças e agravos à saúde. Nesse sentido, o PSE propõe o fortalecimento das redes de saúde e educação, através da cogestão para produção de novos dispositivos pedagógicos e produção de uma ação de promoção e cuidado emancipadora para enfim proporcionar a superação das vulnerabilidades. Dessa forma, este projeto visa a contribuição para melhoria da saúde da comunidade e, por conseguinte, da sociedade, de forma economicamente viável e ecologicamente sustentável, através da implementação de consultórios itinerantes e um programa de Promoção de Saúde Bucal para escolares. Além disso, objetiva colaborar na formação profissional diferenciada dos recursos humanos de Odontologia ao oferecer a oportunidade de qualificação profissional centrada no indivíduo-família-comunidade-sociedade.
Palavras-chave
   Saúde do escolar, Saúde bucal, Promoção de Saúde, Higiene Bucal, Cárie Dentária
Público-Alvo
  Prioritariamente serão atendidos os escolares e pré-escolares da Rede Municipal de Educação do Rio de Janeiro, além disso, funcionários e alunos da Universidade Federal do Rio de Janeiro também poderão receber atendimento odontológico. Atualmente o Programa Saúde na Escola (PSE) conta com um número estimado de 10.000 (dez mil) escolares. As atividades educativas serão estendidas também aos responsáveis e funcionários das escolas. O funcionamento dos consultórios itinerantes odontológicos (COI) priorizará o atendimento da população do entorno do COI conforme a divisão territorial da coordenadoria de saúde da área de planejamento estratégico (CAP) do município do Rio de Janeiro. A proposta inicial contempla a CAP 3.1, que abrange 28 bairros, incluindo os bairros da região da ilha do governador, complexo da Maré e a Cidade Universitária - Ilha do Fundão, onde o COI FO está instalado. No total a UFRJ conta com 03 consultórios odontológicos itinerantes, sendo dois já instalados, um no Centro Integrado de Educação Pública (CIEP) Henfil sob responsabilidade do Hospital Escola São Francisco de Assis (COI HESFA) e o outro situado no pátio da prefeitura do campus universitário da Ilha do Fundão sob a responsabilidade da Faculdade de Odontologia (COI FO), garantindo acesso a escolares das comunidades do Caju (COI HESFA), da Maré e da lha do Governador e aos escolares e familiares da Vila Residencial da UFRJ. Em outra perspectiva, o público alvo também pode ser considerado os profissionais de saúde das unidades da Secretaria Municipal de Saúde envolvidas e os alunos da Faculdade de Odontologia da UFRJ. O desenvolvimento de palestras, cursos de educação continuada e capacitação dos profissionais das unidades de saúdes vinculadas ao projeto COI FO beneficiam diretamente esses profissionais que também atuam nos atendimentos e atividades com os escolares. Já os alunos de graduação da Faculdade de Odontologia da UFRJ e Pós-Graduação em Odontologia, ganham um novo campo de estágio externo dentro dos modelos do SUS, para desenvolver suas atividades pedagógicas, de educação em saúde, epidemiologia, diagnóstico e assistência à saúde bucal voltada para os escolares e funcionários. Desta forma, configura-se o binômio ensino-extensão, no qual o conhecimento é levado a sociedade e com ela aprende-se e desenvolvem-se novas metodologias para que a Universidade possa influenciar e melhorar a qualidade de vida das pessoas envolvidas.
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
   coi@odonto.ufrj.br
«« Voltar