«« Voltar
FONOAUDIOLOGIA E SAÚDE COLETIVA
Protocolo do SIGProj:   271713.1484.198028.14052017
De:31/07/2017  à  29/07/2018
 
Coordenador-Extensionista
  Claudia Maria de Lima Graça
Instituição
  UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro
Unidade Geral
  CCS - Centro de Ciências da Saúde
Unidade de Origem
  FM - Faculdade de Medicina
Resumo da Ação de Extensão
  A Graduação em Fonoaudiologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro conta com uma grade de Saúde Coletiva planejada para atender a necessidade da construção de um modelo pedagógico que possa provocar em todos nós, alunos e docentes, um equilíbrio de excelência técnica e de relevância social, pautado na atenção integral aos usuários dos serviços de educação e saúde, sejam eles desenvolvidos em serviços públicos ou privados. No Brasil, a inserção do fonoaudiólogo na rede pública ainda é escassa e concentra suas práticas predominantemente nos níveis secundário e terciário de atenção, embora seja sugerida uma grande demanda pelos serviços deste profissional na atenção básica (CÉSAR e MAKSUD, 2007; BARROS e OLIVEIRA, 2010). Caracteriza-se a Atenção Básica por um conjunto de ações de saúde, no âmbito individual e coletivo, que abrangem a promoção e a proteção da saúde, a prevenção de agravos, o diagnóstico, tratamento, reabilitação e a manutenção da saúde, sendo orientada pelos princípios da universalidade, acessibilidade e da coordenação do cuidado, do vínculo e continuidade, da integralidade, responsabilização, humanização, equidade e participação social. Assim, esse projeto de extensão tem a proposta de inserir os docentes e os alunos da graduação em Fonoaudiologia da UFRJ na comunidade assistida pelo Instituto Mangueira do Futuro, para a construção de cenários de práticas de cuidado em saúde, que possam potencializar aos futuros fonoaudiólogos o exercício de avaliar, planejar e executar ações relacionadas à Promoção de Saúde e de Prevenção Primária de Saúde.
Palavras-chave
   fonoaudiologia, promoção de saúde, educação em saúde, atenção primária em saúde
Público-Alvo
  A) Coordenador e Colaborador do projeto (docentes da graduação em Fonoaudiologia); B) Alunos do curso de fonoaudiologia, do 6º período da graduação; E) Usuários do Instituto Mangueira do Futuro (moradores do morro da Mangueira, que praticam atividades físicas na Vila Olímpica; professores de educação física e demais funcionários da Vila Olímpica). 300 é um número aproximado.
Situação
  Atividade COM RELATORIO PARCIAL
Contato
   Professoras coordenadoras do projeto e Coordenação do Curso de Fonoaudiologia.
«« Voltar