«« Voltar
Gestão de cooperativa na agricultura familiar
Protocolo do SIGProj:   254414.1327.34352.07122016
De:31/03/2017  à  30/01/2018
 
Coordenador-Extensionista
  Felipe Addor
Instituição
  UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro
Unidade Geral
  CT - Centro de Tecnologia
Unidade de Origem
  NIDES/CT - Núcleo Interdisciplinar para o Desenvolvimento Social
Resumo da Ação de Extensão
  O curso de extensão “Gestão de cooperativa na agricultura familiar” surgiu da necessidade de uma cooperativa de agricultura familiar, localizada na Baixada Fluminense, em aperfeiçoar o gerênciamento do empreendimento a fim de atingir mercados mais sólidos. A partir daí, foi percebido que essa necessidade não era de uma cooperativa específica mas de uma maneira geral permeia o contexto dos trabalhadores do meio rural, os quais, sem uma organização, ficam muito dependentes de atravessadores. Sendo assim, o objetivo da atual proposta do curso em questão é consolidar e/ou fortalecer as cooperativas, as associações e coletivos de trabalho da agricultura familiar como geradoras de renda locais, por meio do diálogo sobre a gestão de empreendimentos econômicos solidários, criando e aprimorando as ferramentas e técnicas utilizadas por eles na administração da produção. A partir da metodologia da pedagogia da alternância, onde os participantes do curso alternam o local de aprendizado entre universidade e comunidade, o curso se pretende a transformar os conteúdos acadêmicos para se aproximar da realidade dos camponeses, enquanto que estudantes e pesquisadores aprofundam seus conhecimentos acadêmicos, desenvolvem senso crítico e experimentam um outro contexto de aprendizado. O curso será composto por 30 camponeses e terá abrangência estadual, compreendendo as regiões da Baixada Fluminense, Médio Paraíba e Norte Fluminense, com duração de 7 meses e carga horária de 146 horas.
Palavras-chave
   Gestão de cooperativa, agricultura familiar, geração de renda, pedagogia da alternância
Público-Alvo
  Diretamente, atenderemos 30 estudantes camponeses/as inscritos/as no curso. As ações serão potencializadas por se tratarem de camponeses vinculados à duas cooperativas da agricultura familiar (Coopscamp e Coopaterra) e ao Movimento dos Pequenos Agricultores, nesse sentido, há a possibilidade de disseminação dos temas desenvolvidos no curso para os demais envolvidos nesses grupos produtivos. Somados, as duas cooperativas compreendem cerca de 150 cooperados. O Movimento dos Pequenos Agricultores, na região da Baixada Fluminense, conta com a articulação direta de sete famílias de agricultores, e também estão em articulação com mais trinta produtores da região. Além dos camponeses que estão envolvidos diretamente nos coletivos de produção descritos acima, o curso terá impacto na realidade das famílias que compõem os assentamentos das regiões onde os grupos produtivos atuam. Memória de cálculo: A Coopaterra compreende 4 assentamentos e 1 acampamento, totalizando 207 famílias, distribuídas da seguinte forma: Assentamento Terra Prometida - Duque de Caxias e Nova Iguaçu = 51 famílias Assentamento Terra da Paz - Piraí =33 famílias Assentamento Roseli Nunes - Piraí = 38 famílias Assentamento Vida Nova - Barra do Piraí - 25 famílias Comunidade Campo Alegre - Queimados = 60 famílias A Coopscamp compreende cerca de 110 famílias do Assentamento Zumbi dos Palmares na região de Campos dos Goytacazes. O Movimento dos Pequenos Agricultores engloba 7 famílias mais 30 produtores de Nova Iguaçu. Dessa forma, serão contempladas indiretamente 324 famílias. Considerando a média de 3 pessoas por família, além dos 150 produtores que estão organizados em cooperativas, o público indireto em potencial de ser atingido pelo curso engloba mais 822 pessoas. Desse total, 150 estão organizados em cooperativas, Internamente, o projeto terá 10 graduandos que cursarão o Requisito Curricular Suplementar (RCS).
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
   NIDES 39387453 SOLTEC 39387780 LIpE 39388114
«« Voltar