«« Voltar
Análise Crítica dos Meios de Comunicação - atualização em Comunicação Comunitária
Protocolo do SIGProj:   254172.1327.34357.07122016
De:31/03/2017  à  30/01/2018
 
Coordenador-Extensionista
  Celso Alexandre Souza de Alvear
Instituição
  UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro
Unidade Geral
  CT - Centro de Tecnologia
Unidade de Origem
  NIDES/CT - Núcleo Interdisciplinar para o Desenvolvimento Social
Resumo da Ação de Extensão
  O Curso de Análise Crítica dos meios de Comunicação - atualização em Comunicação Comunitária tem como objetivo oferecer aos moradores e moradoras de favelas e de regiões periféricas da cidade, comunicadores populares e demais interessados, oficinas sobre a prática da comunicação comunitária, resgatando o histórico dessa luta, além de aulas de texto, entrevistas, fotografia, vídeo, internet, rádio e TV. O curso será oferecido para cerca de 50 pessoas. Este projeto parte de um acúmulo adquirido através da experiência com três cursos anteriores: o 'Favela fala' e 'Favela fala- audiovisual', realizados na Maré, em 2016, pelo Soltec/UFRJ e o curso de extensão de Análise Crítica dos Meios de Comunicação, realizado também pelo Soltec em parceria com o Portal Comunitário da Cidade de Deus e que originou, em 2010, o jornal comunitário A Notícia Por Quem Vive. A partir da reflexão sobre essas experiências, avaliamos que seria mais produtivo fazer ao longo do ano um único curso de maior duração, que proporcione maiores vínculos com o território e tempo para um maior aprofundamento nos temas propostos, do que dois cursos de curta duração num mesmo ano. É partir desta reflexão, da qual as turmas beneficiadas fizeram parte, que estamos construindo uma nova proposta de curso para 2017.
Palavras-chave
   Comunicação Comunitária, Direitos Humanos, Favela, Democratização da Comunicação
Público-Alvo
  O Curso será destinado prioritariamente a moradores de favelas e de regiões periféricas do Rio de Janeiro. Demais interessados no tema também poderão participar. Como público interno da universidade trabalharemos com 2 estudantes de pós-graduação, 4 estudantes de graduação e 1 técnico administrativo. Além disso, temos como público indireto as organizações sociais, movimentos sociais e moradores dos territórios atingidos. Como o objetivo do curso é gerar produtos de comunicação, como jornais, vídeos, entre outros, consideramos que será possível atingir um público para além da turma formada. Por exemplo, com o jornal comunitário 'A notícia por quem vive', fruto do nosso primeiro curso de extensão, uma tiragem de 3.000 exemplares foi distribuída pelas ruas da Cidade de Deus, o que sugere que um público de cerca de 3.000 pessoas foi atingido. Do mesmo modo, a partir do curso realizado em 2016 foram produzidos documentários amplamente divulgados na internet e em mostras pela cidade.
Situação
  Atividade CONCLUÍDA
Contato
   SOLTEC - Núcleo de Solidariedade Técnica - Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ Av. Athos da Silveira Ramos, 149, CT, Salas: ABC 112 e F122 - Cidade Universitária - Rio de Janeiro - RJ - Brasil CEP: 21941-909 - Telefones: + 55 - 21 - 3938-7780 (ABC112) e 3938-8237 (F122 - Ramal 205/206)
«« Voltar