«« Voltar
A QUEBRA DE MITOS E PARADIGMAS SOBRE A INDUSTRIALIZACÃO DE ALIMENTOS
Protocolo do SIGProj:   223113.1104.243318.22012016
De:29/02/2016  à  30/08/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Ana Cristina de Souza
Instituição
  UFTM - Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Unidade Geral
  UGP - Unidade Geral Padrão
Unidade de Origem
  ICTE - Instituto de Ciências Tecnológicas e Exatas
Resumo da Ação de Extensão
  Todo ser humano, em algum momento de sua vida, faz consumo de algum tipo de alimento industrializado. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o consumo de alimentos industrializados representa cerca de 85% do consumo brasileiro. Produtos comuns como açúcar, café, leite, bolacha, pão entre inúmeros outros passam por algum processo de industrialização até chegar na mesa de muitos brasileiros. Neste contexto, o projeto tem por finalidades esclarecer o que ocorre em processamentos como o do açúcar que muda completamente a matéria prima, ou ainda entender como é feito o chiclete e explicar por que alguns apresentam uma maior durabilidade no sabor que outros. Serão abordados alimentos de acordo com dúvidas identificadas em questionários aplicados a população. Esse esclarecimento será realizado por meio de vídeos distribuídos em redes sociais, para uma maior propagação de informações em toda e qualquer idade. Vídeos que serão elaborados editados e então distribuídos mensalmente durante toda extensão do projeto.
Palavras-chave
   alimentos, bebidas, industrialização, vídeos, internet
Público-Alvo
  Usuários de redes sociais de todo Brasil
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
   Mala direta em e-mails, facebook, instagram e snapchat.
«« Voltar