«« Voltar
A cultura africana, afrobrasileira e indígena na constituição de alguns gêneros musicais
Protocolo do SIGProj:   220812.1109.212349.18122015
De:31/03/2016  à  30/08/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Carla Zanatta Scapini
Instituição
  IFSC - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina
Unidade Geral
  IFSC-CCR - Campus Criciúma
Unidade de Origem
  CERE - Coordenadoria de Extensão e Relações Externas
Resumo da Ação de Extensão
  A linguagem musical permite uma múltipla exploração tanto dos elementos verbais e sonoros que a constituem quanto da construção dos significados em um determinado contexto, permitindo um estudo dos fatores sócio-histórico-culturais que constituem a percepção, a consciência e os valores coletivos (absorvidos na música e/ou produzidos por ela). Dessa maneira, propomos um trabalho pautado no estudo e na experimentação da música pela comunidade escolar interna e pelo público das instituições parceiras. O objetivo é perceber as influências africanas e indígenas na constituição dos gêneros samba, afro-samba, rap, blues, maracatu, rock, bossa nova e mangue beach, dando destaque para as produções nacionais, que permitem visualizar a formação multicultural de nossa música e valorizar as matrizes africanas e indígenas que constituem boa parte da força e da riqueza da nossa cultura. A percepção da interculturalidade na constituição das produções culturais tem como objetivo final a desconstrução dos critérios de inferiorização cultural que excluem determinados gêneros, produções e grupos musicais em razão de preconceitos em relação à raça, cor, condições socioeconômicas, os quais não encontram fundamento quando confrontados com a pluralidade de elementos da cultura africana e indígena na música. Assim, a partir das pesquisas da equipe executora, propomos encontros semanais com a comunidades escolares interna e parceiras - bem como algumas oficinas nestas últimas - para dialogar sobre os estudos, apresentar os resultados das pesquisas, discutir as influências musicais, ouvir músicas e testar a produção dos sons.
Palavras-chave
   música, cultura afro-brasileira, cultura africana, cultura indígena
Público-Alvo
  As atividades serão abertas à comunidade interna do IFSC, câmpus Criciúma, e também externa. Tendo como público os docentes, técnico-administrativos, mas, principalmente, os alunos do IFSC, da Escola de Ensino Fundamental São Cristóvão, da Escola de Educação Básica Ignácio Stakoswki e do Centro de Referência de Assistência Social Próspera, compreendendo, assim, adolescentes do ensino fundamental e médio dessas instituições, bem como alunos do técnico integrado e subsequente do IFSC Criciúma, e dos cursos superiores deste mesmo instituto; além de servidores das instituições envolvidas.
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
   carla.scapini@ifsc.edu.br (e-mail coordenadora Carla Zanatta Scapini) tatiane.melissa@ifsc.edu.br (e-mail vice-coordenadora Tatiane Melissa Scoz) https://www.facebook.com/IFSC-Crici%C3%BAma-264161550288718/?fref=ts (página do IFSC- Criciúma no facebook - divulgação comunidade escolar) (48) 34625000 (ramal 5015- sala dos professores)
«« Voltar