«« Voltar
A INFLUÊNCIA DAS PRINCIPAIS ATIVIDADES AGROPECUÁRIAS DESENVOLVIDAS NO MATO GROSSO DO SUL PARA O ÍNDICE DE DESENVOLVIMENTO HUMANO MUNICIPAL – IDH-M
Protocolo do SIGProj:   213347.1005.24077.28082015
De:30/04/2015  à  29/03/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Amauri Brusamarello
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  ESAN - Escola de Administração e Negócios
Unidade de Origem
  PPGAD - Programa de Pós-Graduação em Administração
Resumo da Ação de Extensão
  Os municípios sul-mato-grossenses em sua grande maioria têm sua economia pautada no agronegócio e considerando o atual cenário onde a agropecuária tem impulsionado o crescimento econômico nacional, o presente estudo tem por objetivo analisar a influência das principais atividades agropecuárias sobre o IDH-M dos municípios sul-mato-grossenses a partir da utilização da Análise Exploratória de Dados Espaciais – AEDE, concebida para que seja possível conhecer melhor os dados com que se está trabalhando, assim como verificar a hipótese de que os dados espaciais não são distribuídos aleatoriamente dentro do território de Mato Grosso do Sul, para isto será usado os principais indicadores de correlação espacial e o modelo Tobit Espacial para que este objetivo seja alcançado. Uma breve contextualização sobre o agronegócio no Brasil e Mato Grosso do Sul e sobre as principais atividades agrárias sul-mato-grossenses serão feitas. Também uma análise das principais medidas de qualidade de vida e bem-estar social responsáveis pelo IDH-M serão abordadas. Os resultados dessa pesquisa permitirão verificar a correlação espacial entre os municípios, assim como classificar os municípios em Clusters de qualidade de vida assim como identificar as principais culturas responsáveis pelo IDH-M no estado.
Palavras-chave
   Análise exploratória de dados espaciais, Tobit Espacial, qualidade de vida
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade CONCLUÍDA
Contato
  
«« Voltar