«« Voltar
Oficinas Educativas do Leite: introdução de inovações tecnológicas em propriedades familiares (Cópia) 29-07-2015
Protocolo do SIGProj:   211876.1068.203777.03082015
De:30/08/2015  à  30/08/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Zinaldo Firmino da Silva
Instituição
  UFMA - Universidade Federal do Maranhão
Unidade Geral
  Chapadinha - Centro de Ciências Agrárias e Ambientais
Unidade de Origem
  Coordenação do Curso de Zootecnia. - Coordenação do Curso de Zootecnia
Resumo da Ação de Extensão
  Ao longo dos últimos 20 anos o número de produtores de leite no Brasil tem reduzido. A modernização da atividade leiteira é considerada a responsável por tal efeito, permitindo permanecer somente aqueles que possuam maior número de animais e, ou, melhor posicionamento tecnológico. Por conseguinte, o pluralismo tecnológico na pecuária leiteira requer a inserção de ações diferenciadas que atendam aos vários sistemas e grupos de produtores. Assim, o sistema de criação passa a necessitar de aperfeiçoamento e de aumento de produtividade do rebanho e da terra para viabilizar a exploração e dar condições de sustentabilidade ao homem do campo. Pretende-se com a presente proposta popularizar conhecimentos técnicos sobre o manejo geral do rebanho e a gestão dos demais recursos produtivos do sistema de produção de leite, a fim de melhorar a renda e a qualidade de vida das famílias envolvidas com a atividade no território maranhense. Inicialmente, será realizado um diagnóstico da situação inicial, culminando num plano participativo de ação/extensão. A base da proposta de extensão será a utilização de procedimentos de difusão de tecnologia com base em medidas técnico-educativas para grupos de produtores com similaridade no modo de produção, aqui denominados de Oficinas Educativas do Leite.
Palavras-chave
   agricultura familiar, extensão tecnológica, pecuária
Público-Alvo
  Tem-se como público alvo famílias de produtores de leite em 29 municípios
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar