«« Voltar
Fortalecimento de empreendimentos econômicos solidários na cadeia produtiva do leite: uma proposta metodológica de extensão rural para a produção, armazenamento e comercialização
Protocolo do SIGProj:   211136.1068.87431.29072015
De:30/08/2015  à  30/08/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Eliene Cristina Barros Ribeiro
Instituição
  UFMA - Universidade Federal do Maranhão
Unidade Geral
  CCSST - Centro de Ciências Sociais, da Saúde e Tecnologia
Unidade de Origem
  Ciências Contábeis - Coordenação de Ciências Contábeis
Resumo da Ação de Extensão
  A produção familiar de leite assume papel socioeconômico de grande relevância no agronegócio brasileiro, em que 60% do leite produzido é proveniente da agricultura familiar. Entretanto, o sistema de produção de leite no país é considerado de baixa rentabilidade para o produtor familiar. Estima-se que apenas 2,3% das propriedades leiteiras são especializadas e atuam como empresa rural eficiente. Mais de 90% dos produtores são considerados pequenos ou familiares, com baixo volume de produção diária, baixa produtividade por animal e pouco uso de tecnologias. Neste contexto, este trabalho busca a conscientização da importância dos Empreendimentos de Economia Solidária - EES, entre eles o cooperativismo, para a geração de trabalho, renda e inserção no mercado. Além disso, através de ações extensionistas pretende-se gerar capacitação aos produtores familiares de leite, envolvendo a manipulação, armazenamento e a comercialização. Dessa forma, este projeto de extensão vem contribuir para o desenvolvimento da cadeia do leite e em prol dos fundamentos da economia solidária e do fortalecimento das EES no Sul do Maranhão.
Palavras-chave
   Cadeia do leite, Economia solidária
Público-Alvo
  O projeto visa duas formas de atuação e visa o seguinte público: 1. Voltado à comunidade: o público-alvo a ser atendido neste projeto consiste de 201 produtores familiares de leite nos municípios de Porto Franco (Associação dos Produtores de leite de Porto Franco), Vila Nova dos Martírios (Cooperativa de Agricultores Familiares de Economia Solidária de Vila Nova dos Martírios) e Imperatriz e subjacências (138 produtores familiares de leite). O público atendido compreende as regiões Tocantina e Pré-Amazônica, localizadas no Sul do Estado do Maranhão. Todos os produtores familiares são acompanhados pelo SEBRAE/Imperatriz. 2. Voltado para os acadêmicos e docentes do curso de Ciências Contábeis, Engenharia de Alimentos e Direito do da UFMA/Imperatriz: visa a aprendizagem voltada à importância dos empreendimentos de economia solidária para a geração de renda e inclusão social da produção familiar. Através das metodologias desenvolvidas e repassada aos produtores de leite gera-se a oportunidade de colocar em prática o que se aprende na academia.
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
   A divulgação será também via Emissoras de rádio e TV aberta (Rede Bandeirantes, Rede Globo, TV Tocantins e Rede TV). Os folders e cartilhas serão utilizados para difundir no meio rural os objetivos e metodologias desenvolvidas no projeto.
«« Voltar