«« Voltar
A influência do saneamento básico na qualidade das águas subterrâneas e a percepção ambiental dos moradores do Assentamento São Manoel, Anastácio-MS.
Protocolo do SIGProj:   211111.1005.3241.21092015
De:18/03/2015  à  18/02/2017
 
Coordenador-Extensionista
  Cássia Julita Dresch
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  CPAQ - Câmpus de Aquidauana
Unidade de Origem
  PPGGEO - Programa de Pós-Graduação em Geografia
Resumo da Ação de Extensão
  Nos assentamentos rurais, onde a distribuição de terras e a ocupação são realizadas, na grande maioria das vezes sem infraestrutura adequada, acarretando assim em atividades antrópicas que trazem consequências na dinâmica ambiental, principalmente em relação aos recursos naturais como a água e o solo. Desta forma, o objetivo desta pesquisa é avaliar a qualidade das águas subterrâneas destinadas ao consumo humano sendo correlacionado diretamente com os fatores pertinentes ao Saneamento Básico, no Assentamento São Manoel, localizado no município de Anastácio-MS. Para o estudo, serão utilizados como amostra 12 poços subterrâneos, com profundidades variando de 2 metros a 147 metros, assim como será realizada a caracterização geomorfológicas por meio de dados secundários, a caracterização geológica, a disposição de resíduos Sólidos, de esgoto e as condições de captação e armazenamento da água. A metodologia utilizada será Quanti-qualitativa para caracterização da área, com aplicação de entrevistas para verificar a percepção ambiental dos moradores, coleta de campo, e realização de análise Química, Física e microbiológica das águas coletadas. Pretende-se verificar se a qualidade da água atende aos padrões de potabilidade estabelecido na Legislação Brasileira e possível aplicação de formas eficientes para a educação ambiental e higiênico-sanitária nas famílias assentadas.
Palavras-chave
   Assentamento Rural, Qualidade da água, Águas subterrâneas
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar