«« Voltar
Estudos preliminares para a recuperação e conservação de ariranhas em uma área de ocorrência histórica.
Protocolo do SIGProj:   208709.1005.232175.26052015
De:25/03/2015  à  08/04/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Luna Carinyana Silvestre
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  CCBS - Centro de Ciências Biológicas e da Saúde
Unidade de Origem
  PPGEC - Aluno(a) do Programa de Pós-Graduação em Ecologia e Conservação
Resumo da Ação de Extensão
  Pteronura brasiliensis é listada como em perigo de extinção pela União Internacional para Conservação da Natureza e vulnerável pela lista brasileira de espécies ameaçadas. Sua área de distribuição histórica foi intensamente reduzida e fragmentada. Em 2010 o ICMBio aprovou um Plano de Ação Nacional para a Conservação das Ariranhas (PAN-Ariranha), que tem como meta, dentre outras, a recuperação da espécie em áreas de ocorrência histórica. O objetivo do presente projeto é determinar se ainda há populações residuais de ariranhas nas bacias dos rios Ivinhema e Amambaí e determinar se há disponibilidade de habitats adequados para o estabelecimento de grupos de ariranhas nestas áreas. Conduzirei levantamentos nos trechos mais preservados destes rios, procurando por ariranhas e/ou seus sinais, como locas, latrinas, terraços (campsites) ou outros rastros. Utilizarei modelos de distribuição geográfica potencial para obter um mapa com áreas propicias a presença da espécie, e imagens de satélite para a detecção de lugares propícios a ocorrência de ariranhas na área focal, que guiarão as observações in situ dos habitats. Nas áreas de maior probabilidade de ocorrência, avaliarei variáveis como: tipo de corpo d'água, presença de margens com barranco, cobertura da vegetação, turbidez da água e disponibilidade de peixes
Palavras-chave
   Pteronura brasiliensis, Seleção de habitat, Distribuição geográfica potencial
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar