«« Voltar
Fenologia de plantas em ilhas de solo e influência da área insular em bancadas lateríticas, Corumbá, MS.
Protocolo do SIGProj:   205588.1005.22923.27042015
De:31/03/2014  à  29/02/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Priscilla Pessoa de Oliveira
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  CCBS - Centro de Ciências Biológicas e da Saúde
Unidade de Origem
  PPGBV - Aluno(a) do Programa de Pós-Graduação em Biologia Vegetal
Resumo da Ação de Extensão
  Nos ambientes de bancadas lateríticas as ilhas de solo formam-se devido ao acúmulo de sedimentos e detritos em depressões rasas, fissuras na canga, seguido pelo estabelecimento de plantas vasculares. Os objetivos deste estudo são analisar o comportamento fenológico reprodutivo e vegetativo das espécies de fanerógamas em ilhas de solo e verificar se o tamanho insular influencia o comportamento fenológico e se a fenologia das ervas é distinta de arbustos. 84 ilhas de solo arbustivo-arbóreas encontradas na bancada laterítica do Parque Natural Municipal de Piraputangas (19º 14’ S e 57º 38’ O), Corumbá (MS), foram identificadas, mapeadas e medidas para o posterior cálculo da área. As ilhas de solo foram enquadradas em três classes de área: pequenas (ilhas com 2 a 9,50 m²), médias (10 a 59 m²) e grandes (60 a 180 m²), 10 ilhas de solo de cada classe de tamanho serão acompanhadas mensalmente. Serão registradas as fenofases floração (botões florais e antese), frutificação (frutos imaturos e frutos maduros), queda de folhas e brotamento, quantificadas pelo método de Fournier, durante o período de abril de 2014 a agosto de 2015. Espera-se que precipitação seja o fator ambiental desencadeador da floração e da frutificação, e observadas diferenças no comportamento fenológico em função do tamanho insular e do hábito. A hipótese é que o tamanho insular determinará diferenças nos padrões fenológicos devido às condições microclimáticas por elas proporcionadas, e os comportamentos fenológicos variarão em função do hábito (ervas e arbustos) por diferenças morfológicas e fisiológicas.
Palavras-chave
   Campos ferruginosos, Vegetação de canga, Vegetação rupícola.
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar