«« Voltar
Doença Renal Crônica: a evolução da patologia associada à fatores bioquímicos
Protocolo do SIGProj:   198656.955.164240.25022015
De:09/04/2015  à  09/01/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Victor Vitorino Lima
Instituição
  UFMT - Universidade Federal de Mato Grosso
Unidade Geral
  ICBS / CUA - Instituto de Ciências Biológicas e da Saúde / CUA
Unidade de Origem
  CFAR - Coordenação do Curso de Farmácia
Resumo da Ação de Extensão
  A doença renal crônica (DRC) é considerada atualmente um problema de saúde pública mundial. A DRC é definida pela lesão do parênquima renal e/ou pela diminuição da taxa de filtração glomerular (TGF) presentes por um período igual ou superior a três meses. Com a diminuição progressiva da TFG observada na DRC, os rins tornam-se incapazes de realizar a manutenção da homeostase do corpo, o que leva o portador a passar por estágios de progressão da doença até a falência da função renal. O doente renal crônico comumente possui diversas comorbidades, das quais se destacam as doenças cardiovasculares. Tais doenças têm sido responsáveis por grande parte de óbitos entre estes pacientes. Considerando a alta prevalência desta patologia em nosso país e a elevada taxa de mortalidade entre estes pacientes, tornam-se necessários mais estudos voltados a este tema. Sendo assim, objetiva-se nesta pesquisa avaliar os fatores bioquímicos em pacientes portadores de DRC em estágios avançados. Mais especificamente tem-se o objetivo de verificar a possíveis relações entre fatores bioquímicos, doenças cardiovasculares e doença renal crônica. Participarão do estudo pacientes diagnosticados com doença renal crônica nos estágios três, quatro e cinco que realizam tratamento no Instituto de Nefrologia do Araguaia (INA), o qual se localiza no município de Barra do Garças – Mato Grosso. As análises laboratoriais serão realizadas no Laboratório de Biologia Vascular do Departamento de Ciências Biológicas e da Saúde da UFMT – Campus do Araguaia, por meio de kits específicos.
Palavras-chave
   Doença renal crônica, Fatores bioquímicos, Doença Cardiovascular.
Público-Alvo
  Pacientes portadores de doença renal crônica nos estágios 3, 4 e 5
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar