«« Voltar
Framework colaborativo de estruturação de dados abertos governamentais
Protocolo do SIGProj:   197915.991.201317.13022015
De:12/03/2015  à  12/02/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Andreiwid Sheffer Corrêa
Instituição
  IFSP - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo
Unidade Geral
  PRX - Pró Reitoria de Extensão
Unidade de Origem
  CMP - Campinas
Resumo da Ação de Extensão
  Os movimentos em prol da transparência pública têm transformado o modo como os governos divulgam seus dados e ampliado a discussão com a sociedade acerca do acesso a dados abertos governamentais. Neste sentido, percebe-se que prevalece a disponibilização de documentos desestruturados legíveis apenas por humanos, normalmente em formatos PDF e HTML, os quais não atenderem aos princípios de Open Government Data (OGD) ou Dados Abertos Governamentais. Como tentativa de contornar esses problemas, surgem as plataformas de OGD que se apoiam nos conceitos de web semântica e dados conectados. Estas plataformas possibilitam a análise automatizada por máquina, permitindo que a sociedade dê um passo à frente na compreensão dos dados abertos governamentais. No entanto, o efetivo uso destas plataformas exige uma mudança cultural por parte das administrações públicas para que compreendam o real valor de OGD e passem a gerar dados abertos em vez de documentos. Este projeto objetiva desenvolver, em articulação com pesquisa em andamento no Campus Campinas, um protótipo de software utilizando a abordagem middleware para auxiliar na estruturação de informações de transparência pública. Com isso, será possível o acesso automatizado aos atuais documentos de transparência até que mudanças culturais impulsionem a efetiva implementação de OGD.
Palavras-chave
   Dados abertos, OGD, CKAN, middleware
Público-Alvo
  Grupos sociais, entusiastas e especialistas da área de dados abertos governamentais, como jornalistas, economistas e cientistas políticos. Os municípios-alvo poderão ser aqueles destinados pela Lei de Acesso à Informação como divulgadores ativos de transparência pública pela internet, com mais de 10mil habitantes. Segundo IBGE, cerca de 3.000 municípios no Brasil nesta situação.
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar