«« Voltar
AVALIAÇÃO DOS EFEITOS DO LÍQUIDO DA CASTANHA DO CAJU NO DESEMPENHO REPRODUTIVO, DESENVOLVIMENTO EMBRIOFETAL, ESTABILIDADE GENÉTICA E IMUNOMODULAÇÃO EM CAMUNDONGOS SWISS.
Protocolo do SIGProj:   192921.847.207988.29112014
De:04/03/2015  à  27/02/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Juliana Miron Vani
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  CCBS - Centro de Ciências Biológicas e da Saúde
Unidade de Origem
  PPGF - Aluno(a) do Programa de Pós-Graduação em Farmácia
Resumo da Ação de Extensão
  Atualmente as plantas medicinais são estudadas para comprovação da sua segurança de uso bem como de seus fins terapêuticos. O líquido da castanha do caju (LCC) apresenta resultados de atividade larvicida e das frações, que, foram significativos para o controle de Aedes aegyptii. Mas se estiga a necessidade de estudar se este líquido ao ser adicionado em caixa d’água traz algum efeito teratogênico para mulheres gestantes. Serão realizados os ensaios de micronúcleo para avaliar mutagenicidade, fagocitose esplênica, também como análise visceral , esquelética externa para possível malformações. Por meio das análises a serem realizadas espera-se entender qual a ação do líquido da castanha do caju Anacardium occidentale, em camundongos fêmea prenhes que farão o consumo deste em diferentes períodos gestacionais. Este experimento poderá validar ou não a segurança do uso do mesmo em período gestacional e, portanto para a prole de animais experimentais. Os dados não podem ser extrapolados para humanos. No entanto, se houver sinais de toxicidade necessariamente o uso fica contra indicado em gestantes.
Palavras-chave
   teratogênese, LCC, malformação, mtagenicidade.
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade CONCLUÍDA
Contato
  
«« Voltar