«« Voltar
INFLUÊNCIA DA SOLUÇÃO IRRIGADORA NA FORMAÇÃO DE DEFEITOS DENTINÁRIOS APÓS PREPARO COM SISTEMA RECIPROC
Protocolo do SIGProj:   192105.847.221207.27112014
De:28/02/2014  à  27/02/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Esther Saraiva Batista Veira Mendonça
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  FAODO - Faculdade de Odontologia
Unidade de Origem
  PPGO - Programa de Pós-Graduação em Odontologia
Resumo da Ação de Extensão
  A escolha da solução irrigadora é extremamente importante, devendo apresentar compatibilidade clínica e propriedades físico-químicas capazes de promover ação antimicrobiana, permitir dissolução do tecido, possuir efeito de limpeza, ação quelante e ser biocompatível com tecidos. Entretanto, as substâncias irrigadoras podem degradar tecidos orgânicos, não se restringindo apenas à polpa dental, mas atuando também nos componentes orgânicos da dentina adjacente, como consequência, promovem alterações nas propriedades físicas e químicas da dentina, principalmente degradação do colágeno com perda de fração orgânica, potencializando o enfraquecimento da estrutura dentinária. Uma vez que vem sendo mostrado que instrumentos de níquel titânio podem gerar trincas em movimento rotatório, é relevante realizar um estudo para avaliar o que ocorre nas paredes dentinárias do canal radicular após o emprego de uma única lima Níquel Titânio nesse novo movimento, utilizando como soluções irrigadoras Hipoclorito de sódio a 5,25% e Gel de Clorexidina a 2%. Assim, a comparação entre esta nova opção de técnica com as soluções irrigadoras é necessária para que se possam avaliar possíveis efeitos colaterais que possam contribuir para o aparecimento de fraturas radiculares verticais no elemento dental.
Palavras-chave
   Solução irrigadora, Instrumentação mecanizada, Defeitos dentinários
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar