«« Voltar
A EDUCAÇÃO FÍSICA E O BRINCAR NA EDUCAÇÃO INFANTIL: DIREITO, PRÁTICA E CONCEPÇÕES DE PROFISSIONAIS NO COTIDIANO DE UMA INSTITUIÇÃO DE CRIANÇAS DE 0 A 05 ANOS
Protocolo do SIGProj:   188045.847.14475.28112014
De:30/11/2014  à  29/03/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Gérson de Arruda
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  CPAN - Câmpus do Pantanal
Unidade de Origem
  PPGE - Programa de Pós-Graduação em Educação
Resumo da Ação de Extensão
  O presente projeto de pesquisa focando o tema Educação Física e o brincar na Educação Infantil parte da premissa de que ambos estão intimamente ligados, visto que o professor de educação física tem a possibilidade de proporcionar através do brincar e brincadeiras, o desenvolvimento da identidade e autonomia dos pequenos. A revisão de literatura que irá sustentar o trabalho de abordagem qualitativa põe em relevo autores como Brougère (1998) que afirma que as concepções do brincar são construções que estão atreladas às representações de criança de cada época. Assim, levanta- se a hipótese de que a violação do direito de brincar pode ser compreendida como consequência da estruturação das sociedades modernas tendo como principais fatores o alto índice de violência que privou muitas crianças de brincarem nas ruas, o trânsito dos carros, os quintais das casas reduzidos, influenciaram para que o espaço do brincar se tornasse reduzido. Nesse ponto, o trabalho pretende relatar, descrever e analisar por meio do referencial teórico da Teoria Crítica como está sendo efetivado o brincar na Educação Infantil. Logo, verificar-se-á a prática do(s) professor(es) durante o brincar na instituição independentemente de ser ou não formado na área específica de Educação Física, durante as aulas destinadas a este fim. O presente trabalho pretende fazer uma pesquisa de estudo de caso e contribuir no sentido de clarear aos educadores, legisladores e gestores das políticas públicas que o brincar na Educação Infantil tem o papel de ensinar e proporcionar a brincadeira.
Palavras-chave
   Brincar, Educação Física, Educação Infantil, Prática Cotidiana, Direito.
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar