«« Voltar
Área de vida, tipos de abrigos e fidelidade de Artibeus planirostris (Chiroptera: Phyllostomidae) no Pantanal
Protocolo do SIGProj:   185767.847.212484.25082014
De:29/08/2014  à  29/03/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Mariana Pires Veiga Martins
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  CCBS - Centro de Ciências Biológicas e da Saúde
Unidade de Origem
  PPGBA - Aluno(a) doPrograma de Pós-Graduação em Biologia Animal
Resumo da Ação de Extensão
  Os morcegos frugívoros e nectarívoros atuam como dispersores de sementes e polinizadores. Utilizam diversos tipos de abrigos, que lhes proporcionam locais para acasalamento, criação de filhotes, interação social, digestão alimentar, além de proteção contra variações climáticas e predadores. Os objetivos do estudo são (1) descrever os abrigos e a área de vida de Artibeus planirostris no Pantanal da Nhecolândia e (2) avaliar o efeito da disponibilidade de recursos entorno do abrigo sobre a fidelidade dos morcegos. O estudo será realizado no Pantanal na região da Nhecolândia, na fazenda experimental Nhumirim. A localização dos abrigos se dará por detecção de sinal de transmissores colocados nos morcegos, que serão capturados com auxílio de redes-de-neblina, e busca ativa dos abrigos que ocorrerá pela transmissão de playback. Será aplicado esforço de busca para registro de 10 abrigos da espécie, que serão caracterizados quanto a sua estrutura. Os morcegos capturados receberão colares com anilhas numeradas e soltos na mesma noite. Estimativas de área de vida serão feitas com base em monitoramento dos morcegos com transmissores ao longo de três noites consecutivas, para registro da sua localização. Para amostragem da densidade de recursos será feita amostragem da disponibilidade de fontes alimentares na vizinhança do abrigo.
Palavras-chave
   Artibeus planirostris, Abrigo, Área de vida.
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar