«« Voltar
A SUBJETIVAÇÃO DA VIOLÊNCIA ESCOLAR SOB A ÓTICA DOCENTE
Protocolo do SIGProj:   182839.847.190207.28072014
De:27/07/2014  à  29/08/2015
 
Coordenador-Extensionista
  Taís Francéli Krugmann
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  CCHS - Centro de Ciências Humanas e Sociais
Unidade de Origem
  PPGP - Aluno(a) do Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Resumo da Ação de Extensão
  O presente projeto visa analisar o fenômeno histórico e social da violência dirigida ao professor na realidade do contexto educacional das Escolas da Rede Pública Municipal e Estadual de Ensino de Campo Grande/MS. Partindo-se da compreensão da violência constituída em sua significação como um termo complexo e polissêmico, o projeto propõe-se à verificação, estudo e investigação da problemática em suas diversas manifestações, tanto físicas e verbais quanto psicológicas e simbólicas vivenciadas pelos profissionais de ensino em suas atividades de docência e as formas de auxílio, tratamento e reintegração ao trabalho, prestadas pelos órgãos competentes. A pesquisa tenciona investigar e refletir sobre as estratégias de enfrentamento a essa violência, apontadas e empregadas pelos docentes em suas respectivas práticas pedagógicas e o consequente comprometimento ao Processo Ensino-Aprendizagem. Realizar-se-á estudos e análises a fim de apreender as formas como os conceitos de sentido e de significado dessa violência constituem-se na subjetividade do professor, tendo como referencial teórico-metodológico a perspectiva da Teoria Histórico-Cultural.
Palavras-chave
   Violência escolar, Violência ao professor, Subjetividade.
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar