«« Voltar
Fitase em dietas de frangos de corte
Protocolo do SIGProj:   182106.847.53211.25092014
De:25/09/2014  à  27/02/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Henrique Barbosa de Freitas
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  FAMEZ - Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia
Unidade de Origem
  PPGCA - Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal
Resumo da Ação de Extensão
  Atualmente uma alternativa que vem demonstrando resultados satisfatórios é a inclusão de enzimas exógenas na alimentação de aves comerciais, podendo melhorar a eficiência alimentar dos animais pelo aumento da digestão dos alimentos e redução na perda de nutrientes e, consequentemente potencial de redução da poluição ambiental. O estudo será realizado com o objetivo de avaliar a inclusão da fitase em alto nível de suplementação (“Superdosing”) sobre o potencial de maior aproveitamento da energia, proteína, aminoácidos e fósforo de dietas a base de milho e farelo de soja e conseqüentemente sobre o desempenho e características de carcaça. Serão realizados dois experimentos. Um de digestibilidade dos nutrientes e outro de desempenho. Em ambos os experimentos, os tratamentos serão: dieta controle positivo (formulada para atender as exigências nutricionais e sem enzima), controle negativo 1 (redução de 0,15 pontos percentuais do nível de fósforo disponível da dieta controle positivo e inclusão de 500 FTU/kg); controle negativo 1+ 500 FTU/kg; controle negativo 1+1000 FTU/kg; controle negativo 2 (redução de 0,20 pontos percentuais do nível de fósforo disponível da dieta controle positivo)+1000 FTU/kg e controle negativo 2+1500 FTU/kg de fitase microbiana. As dietas serão fareladas isoenergéticas, isoprotéicas, isoaminoacídicas, a base de milho e farelo de soja e formuladas conforme recomendações de Rostagno et. al (2011). Os resultados serão submetidos à análise de variância, com o auxílio do programa SAS, versão 9.1 e quando ocorrerem diferenças significativas, as médias serão comparadas pelo teste de Tukey no nível de 5% de probabilidade.
Palavras-chave
   aminoácidos, característica de carcaça, desempenho, digestibilidade, fósforo
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar