«« Voltar
ELABORAÇÃO DE IOGURTE PROBIÓTICO A PARTIR DO EXTRATO HIDROSSOLÚVEL DA AMÊNDOA DE BARU (Dipteryx alata Vog.)
Protocolo do SIGProj:   177502.847.158776.13052014
De:13/06/2014  à  13/02/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Marceli Borges Fioravante
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  FAMED - Faculdade de Medicina
Unidade de Origem
  PPGSD - Programa de Pós-Graduação em Saúde e Desenvolvimento na Região Centro Oeste
Resumo da Ação de Extensão
  Novos produtos alimentícios estão sendo elaborados com características desejáveis sensorial e funcionalmente. Produtos à base de extratos vegetais são utilizados como substituintes de produtos de origem animal, por indivíduos que possuem intolerância ou alergia a produtos de origem animal ou não. A amêndoa do Baru (Dipteryx alata Vog.), fruto nativo do cerrado, pode ser utilizada na elaboração de extrato hidrossolúvel que por conseguinte, pode ser utilizado na elaboração de produtos alimentícios. O objetivo do presente trabalho é elaborar iogurte probiótico a partir do extrato hidrossolúvel da amêndoa de Baru. Os experimentos serão realizados nos laboratórios da Unidade de Tecnologia de Alimentos e Saúde Pública – UTASP/UFMS e todas as análises, realizadas em triplicata. As amêndoas, provenientes de frutos coletados na região urbana de Campo Grande/MS, serão utilizadas para a elaboração do extrato. As dez formulações iniciais, serão avaliadas sensorialmente, por meio de teste de aceitação. Após a análise sensorial das formulações iniciais e da análise de dados pela metodologia de superfície de respostas será obtido o produto otimizado, que passará pelo teste de aceitação e de intenção de compra, caracterização físico-química e pesquisa de atividade antioxidante durante armazenamento refrigerado. Os resultados das análises serão expressos em média ± desvio padrão e submetidos a análise de variância (ANOVA) e nos testes sensoriais as médias serão comparadas pelo teste Qui quadrado, ao nível de significância de 5%. Com o estudo espera-se avaliar o potencial nutritivo e funcional do produto, além de propor uma alternativa para a agregação de valor a amêndoa
Palavras-chave
   alimento funcional, Bifidobactéria, extrato vegetal, alergia alimentar
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar