«« Voltar
Educar para Preservar: um Exercício de Cidadani (Cópia) 19-03-2014
Protocolo do SIGProj:   175355.816.33877.19032014
De:18/03/2014  à  27/02/2015
 
Coordenador-Extensionista
  Lycia de Brito Gitirana
Instituição
  UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro
Unidade Geral
  CCS - Centro de Ciências da Saúde
Unidade de Origem
  ICB - Instituto de Ciências Biomédicas
Resumo da Ação de Extensão
  O projeto 'Educar para Preservar: um Exercício de Cidadania' visa promover a divulgação científica através de uma relação de diálogo com os professores dos Ensinos Médio e Fundamental, compartilhando o conhecimento científico, além de divulgar estratégias de abordagem didática, instigando os estudantes pela busca pelo saber. Os anfíbios são utilizados como 'ponto de partida' para promover discussões sobre a importância da preservação ambiental na manutenção das espécies, assim como o papel do homem na manutenção do homeostase ambiental. Essa discussão permite desmistificar a imagem de 'animais repugnantes' que foi criada através de lendas e/ou cultura popular. Considerando que muitos dos professores da rede pública, há algum tempo, estão afastados do conhecimento científico, o projeto apresenta como contrapartida palestras e material instrucional com informações atualizadas sobre a Biologia dos Anfíbios e material lúdico em apoio às atividades didáticas com o objetivo de melhorar o aprendizado. O projeto também visa promover um trabalho interdisciplinar com ênfase em Ciências Biológicas e Língua Portuguesa, integrando também outras disciplinas como História, Geografia e Artes, as quais engrandecem o diálogo interdisciplinar. Para despertar no aluno o interesse sobre o tema, são fornecidos dois livros-conto 'a A Anfifada e o Amuleto Encantado' e 'As Aventuras do GJ', que tem em seus personagens anfíbios.
Palavras-chave
   interdisciplinaridade, anfíbios, ambiente, preservação
Público-Alvo
  O projeto atua em cerca de 4 turmas, com cerca de 45 alunos cada, perfazendo um total de 360 alunos. Contudo, há outros eventos que o projeto comumente participa (Bio na Rua e Semana Nacional de Ciência e Tecnologia). Também participamos de outros eventos em parceria com as escolas, como Feiras Integradas, onde não somente os alunos da escola participam, mas também de outras escolas envolvidas. Dessa forma, acreditamos atingir cerca de 2.000 pessoas.
Situação
  Atividade CONCLUÍDA
Contato
   A divulgação do projeto é feita através de distribuição de cartazes e através do blogo do projeto (http://www.educar-preservar.blogspot.com.br/), apesar de ter sido muito eficiente a recomendação peita pelos próprios professores para outras escolas.
«« Voltar