«« Voltar
Qualificação da gestão e da dispensação de medicamentos da via judicial no município de Niterói
Protocolo do SIGProj:   168264.781.124753.06022014
De:28/02/2014  à  30/12/2014
 
Coordenador-Extensionista
  Rachel Magarinos Torres
Instituição
  UFF - Universidade Federal Fluminense
Unidade Geral
  CMF - Faculdade de Farmácia
Unidade de Origem
  MAF - Departamento de Farmácia e Administração Farmacêutica
Resumo da Ação de Extensão
  Cabe a Assistência Farmacêutica (AF) promoção do acesso e do uso adequado de medicamentos. No Brasil, a AF é obrigação do poder público. Ao adquirir o status de direito subjetivo do cidadão à AF, este pode ser requerido judicialmente por qualquer cidadão. O aumento do uso da via judicial para demanda de medicamentos tem sido chamado de “judicialização” da AF e surgem neste contexto de garantia de direitos relacionados aos serviços e insumos para o tratamento da saúde a todos, tendo como um dos fatores facilitadores, o não cumprimento do acesso à AF por meio dos poderes públicos – federal, municipal e estadual. A ação proposta pretende apoiar a gestão municipal da AF do município de Niterói para análise da pertinência das solicitações judiciais e qualificação da dispensação de medicamentos para pacientes que obtiveram medicamentos por via judicial.
Palavras-chave
   Uso Racional de Medicamentos, Assistência Farmacêutica, Promoção de Saúde, Direito à saúde
Público-Alvo
  Pacientes que obtiveram medicamentos por via judicial, trabalhadores da coordenação de Farmácia do Município de Niterói e alunos de graduação da Faculdade de Farmácia
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar