«« Voltar
O ensino de leitura literária nas vozes dos professores de português recém-formados
Protocolo do SIGProj:   165916.1005.47640.02062015
De:30/09/2013  à  29/07/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Maria de Fátima Xavier da Anunciação de Almeida
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  CCHS - Centro de Ciências Humanas e Sociais
Unidade de Origem
  GAB/CCHS - Gabinete do Diretor
Resumo da Ação de Extensão
  O projeto de pesquisa volta-se para conhecer alguns saberes que os egressos do Curso de Letras de uma universidade pública de Mato Grosso do Sul, trazem em suas vozes, com relação ao ensino de leitura literária, voltada à educação básica, para, assim, verificar e compreender quais saberes foram, efetivamente, apreendidos pelos professores recém-formados. Utilizamos uma abordagem qualitativa de pesquisa (LÜDKE e ANDRÉ, 1986), tendo como pano de fundo o estudo de caso (TRIVIÑOS, 2009) e a Análise Crítica do Discurso (FAIRCLOUGHL, 2001), especificamente, por meio de referenciais teóricos das áreas de educação (FREIRE, 1987; 2003; 2011), do discurso (FAIRCLOUGH, 2001), de leitura literária (ZILBERMAN, 1991; LAJOLO, 1994; 2001; LAJOLO e ZILBERMAN, 1996; MORTATTI, 2014; AGUIAR e BORDINI, 1988; COSSON, 2012). Amparamo-nos no conceito de literatura - e seu caráter de humanização - em Candido (1995; 1997), que leva em conta os fenômenos citados como prática social, histórica, ideológica e cultural. Espera-se que o estudo possa contribuir para a reflexão sobre a formação do professor de língua e de literatura e, ainda, para políticas de formação docente que possibilitem o repensar do fazer docente ao ensinar a leitura literária na escola brasileira, considerando o ensino fundamental II e o ensino médio.
Palavras-chave
   Ensino, leitura literária, professor de português, recém-formados.
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade CONCLUÍDA
Contato
  
«« Voltar