«« Voltar
O papel dos morcegos dispersores de sementes sobre o estabelecimento de plantas
Protocolo do SIGProj:   159054.847.127402.05032014
De:19/03/2014  à  29/03/2017
 
Coordenador-Extensionista
  Nayara Carvalho
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  CCBS - Centro de Ciências Biológicas e da Saúde
Unidade de Origem
  PPGEC - Aluno(a) do Programa de Pós-Graduação em Ecologia e Conservação
Resumo da Ação de Extensão
  O objetivo deste estudo é conhecer os fatores que determinam o estabelecimento de plantas dispersadas por morcegos. Desta forma, avaliaremos os seguintes parâmetros envolvidos neste processo: o efeito do deslocamento dos morcegos; o efeito do tempo de passagem das sementes pelo trato digestório e o efeito da heterogeneidade da paisagem sobre a comunidade de plantas dispersadas por morcegos frugívoros. As coletas serão realizadas em áreas distribuídas em quatro ecorregiões do Cerrado e Mata Atlântica. Serão coletados dados de deslocamento dos morcegos com auxilio de equipamentos de telemetria e será montado um banco molecular das espécies quiropterocóricas presentes nos fragmentos para avaliar o efeito do deslocamento dos morcegos sobre a diversidade de plantas dispersadas por morcegos. Morcegos das espécies mais frequentes na região de coleta serão mantidos em cativeiro para avaliar o efeito do tempo de passagem das sementes pelo trato digestório dos morcegos sobre o estabelecimento das plantas. A heterogeneidade da paisagem será mensurada a partir de dados climáticos e da cobertura vegetal, assim será avaliado seu efeito sobre a comunidade de plantas dispersadas por morcegos. Desta forma pretendemos ampliar a compreensão dos padrões gerais da dinâmica das interações morcego-planta, especialmente a dispersão de sementes sobre o estabelecimento das plantas.
Palavras-chave
   Dispersão de sementes, Chiroptera, Heterogeneidade da paisagem
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar